Quase Blog

Archive for outubro 2007

Renasci! e na estranha certeza de que todo fim pode ser um recomeço, me sinto melhor! Ainda não pronto pra esquecer, mas forte o bastante para sorrir e seguir em frente. A vida continua e se entregar é uma bobagem, Renato, sempre sabe de tudo… e tem uma trilha perfeita para cada hora, mas ainda estou escolhendo a atual, por enquanto deixa mais uma vez (mesmo achando ela chata), também prefiro nem pensar nisso.. O que importa é que MEU sol brilhou outra vez, há flores no jardim, vou me deixar crescer pra compensar a sua ausencia e desfarçar o meu vazio, eu acho que consigo isso… e se não conseguir, ao menos tentei, o que eu não posso fazer é continuar a me punir sem ter feito nada… eis o defeito, não fazer nada… Promessas, espero que não seja só mais uma “cara” minha em campanha eleitoral, bom, já ganhou meu voto. E seja como for, se apresenta um novo eu, não que eu tenha mudado, só não sou igual ao que vocês pensam. Tentando organizar minha cabeça, tem tanta coisa fora do lugar, MAS VOLTEI PRA MIM, enquanto isso em alguns minutos fui do céu ao inferno, e nesse mesmo tempo, hoje fui do caos ao paraiso =), e quer saber de uma coisa, a certeza do mundo é bem melhor, estou de volta =).

Não sei mais como disfarçar
E fingir que esta tudo bem
Se você que me trás a paz
Esta tão longe do meu templo
 
Eu confesso nunca tive coragem
Para ser quem realmente eu sou
Mas você me fez sorrir de novo
E sem saber, você curou minha dor
 
E me trouxe o medo de não ser 
Tudo aquilo que você mereça
E na sombra da minha ausencia, alguem brilhar
O mundo girar, e você me esqueça 
 
E na minha indecisão
Esse coração aqui quebrou
e os pedaços que restaram
estão guardados dentro do seu bolso
 
Cuide bem deles
Cuide bem de você
Por que eu sou a consequencia
Não consigo chorar quando você sorri
E não ha alegria, se não cantar comigo
 
Você sem querer regou meus sonhos
E eles ja querem florir
é so você quem vai repartir os frutos
e sem o seu sol, em mim não havera outono
coracao1.jpg…Eu abri meu coração, como se fosse um motor
mas na hora de montar, sobravam peças pelo chão…

 

(engenheiros)
resolvi juntar os cacos e fazer esse blog!
é (vai ser) meu site mais pessoal…
hj uma declaração de amor
feito especialmente p/MI-m
ja q é so vc q vm aki mesmo….
te amo incondicionalmente camila!
se isso é bom ou mal… so o tempo nos dira
mas eu corro o risco =)

images4.jpgPorque é tão dificil, tão estranho se   despedir do que nunca tivemos… E essa saudade que me sufoca, de coisas que nem sei… Sinto o mundo crescer, virar um gigante pronto pra me atacar e eu um simpes davi, sem nenhuma pedra nas mãos.

Você que me deixa mais forte, mais seguro de mim, sempre longe – eternamente perto, agora te vejo com uma mão na porta, chorando, mas partindo embora, e levando meu coração no seu bolso… Quem inventou a distancia não sabia oque era amar… Nunca sangrou por conhecer a pessoa perfeita, ser correspondido, e ver tudo se desentegrar sob o efeito das milhas,sem poder nem ao menos toca-la, abraça-la e enxugar suas(nossas) lagrimas…

images32.jpg
De tarde quero descansar, chegar ate a praia e ver. Se o vento ainda está forte E vai ser bom subir nas pedras Sei que faço isso pra esquecer Eu deixo a onda me acertar E o vento vai levando tudo embora  Agora está tão longe Vê, a linha do horizonte me distrai: Dos nossos planos é que tenho mais saudade, Quando olhávamos juntos na mesma direção  Aonde está você agora Além de aqui dentro de mim?  Agimos certo sem querer Foi só o tempo que errou Vai ser difícil sem você Porque você está comigo o tempo todo E quando eu vejo o mar, Existe algo que diz, Que a vida continua E se entregar é uma bobagem    Já que você não está aqui, O que posso fazer é cuidar de mim Quero ser feliz ao menos Lembra que o plano era ficarmos bem?  – Ei, olha só o que eu achei: cavalos-marinhos Sei que faço isso pra esquecer Eu deixo a onda me acertar E o vento vai levando tudo embora

E quase um grito...

Ausência…

me afastei por uns dias... estou mudando aos poucos o quase e pretendo voltar em breve. Por enquanto estou aqui: Palavras ao Vento!

Leia os novos artigos deste blog em seu leitor de feeds ou clique no link abaixo, digite seu email na janela que irá surgir e receba as postagens em seu email.

outubro 2007
S T Q Q S S D
« set   nov »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Blog Blogs

Pingar o BlogBlogs Adicionar aos Favoritos BlogBlogs

Blog Stats

  • 18,544 hits